quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Desculpas da treta… e muita falta de brio


Vanessa Fernandes voltou ontem a repetir as declarações de segunda-feira, nas quais acusava alguns atletas de "brincarem" com os Jogos Olímpicos e Vicente Moura também não poupou palavras e exigiu brio e profissionalismo aos atletas. E eu subscrevo!

Ontem os meios de comunicação passaram o dia a dar esta notícia: “Vicente Moura decidiu terminar o mandato na presidência do Comité Olímpico de Portugal mas não se irá recandidatar, devido aos maus resultados obtidos pela comitiva portuguesa nos Jogos Olímpicos Pequim2008.”

Ora… Eu também me retiraria. O motivo para tal não seria tanto a falta de resultados nos Jogos Olímpicos mas antes a falta de respeito demonstrada por vários atletas que apresentaram desculpas de merda (e peço desculpa pela escolha do adjectivo mas não há outro possível) para as fracas prestações realizadas.

Ora vejamos:

A atleta Jéssica Augusto desistiu (a 15 de Agosto) de participar na corrida dos 5000 metros “… porque já me dei mal nos 3000 metros. Agora vou de férias. Treinei para os 3000 obstáculos. Não vou aos 5000 metros. As africanas são fortes. Não vale a pena lutar contra elas. Elas correm para 14.11 minutos e eu para 15.22"… a senhora lá reconsiderou e correu ontem os 5000 metros tendo falhado logo na 1ª série o apuramento para a final… sendo que acabou a prova com uns miseráveis 16.05 minutos… realmente com mentalidades assim é impossível! Se a senhora é da opinião de que as outras atletas são mais fortes e não vale a pena lutar contra elas que raio foi esta fazer à China???? Que raio de espírito desportivo é este?


Vânia Silva, lançadora do martelo, fez esta brilhante afirmação após ter sido eliminada: "Não sou muito dada a este tipo de competições".
A culpa deve ser minha que não percebo nada disto… afinal como é que se decide que alguém vai aos Jogos Olímpicos??? O Comité Olímpico de Portugal vai à lista telefónica, escolhe ao calhas e diz: esta tal de Vânia Silva vai a Pequim lançar o martelo! Hum? Ninguém avisou a senhora que ia estar presente nos Jogos Olímpicos??? Se não é dada a este tipo de competições, faça-me o favor de para a próxima ficar em casa!


O atleta Arnaldo Abrantes disse, após ser 8º e último na segunda série para apuramento para as meias-finais dos 200 metros: "Entrar neste estádio cheio bloqueou-me um pouco”. Enfim… para a próxima manda-se fechar as portas do estádio… pode ser que consigas o apuramento…E ainda se saiu com mais esta pérola: “… só tinha entrado em estádios com a dimensão do Ninho do Pássaro com as bancadas cheias enquanto espectador de jogos de futebol e estar na pista é completamente diferente"… Meu amigo… estás em Pequim… na China… num dos eventos desportivos mais importantes do Mundo... os chineses “são mais que as mães”… esperavas que o estádio estivesse “às moscas”??? Mas ninguém avisou os atletas para onde iam?E para terminar ainda fez esta fantástica declaração: "As pernas não responderam ao tiro de partida. Queria baixar dos 21 segundos, mas tem de se aprender com as contrariedades. Eu gosto de aprender. Foi bom ter apanhado aqui este banhozinho... esta tareiazinha e agora ir para casa descansar". O menino disse… banhozinho?????? Tareiazinha???? Acho melhor nem comentar...


Marco Fortes, lançador do peso: “De manhã só é bom é na caminha, pelo menos comigo", disse o rapazola, que, ao que parece, estranhou o horário da competição… pois… eu cá também gosto muito da minha caminha… de manhã, à tarde, à noite, a qualquer hora!!!! Por isso mesmo não ando envolvida em competições internacionais ao mais alto nível, que custam quantias astronómicas aos portugueses para que o menino Marco Fortes vá passear à China!!! Tivesse ficado em Portugal, na cama! Mais uma vez: ninguém avisou os atletas para onde iam????

Telma Monteiro, a judoca que prometeu medalhas à partida de Portugal para a China justificou assim a sua péssima prestação: "Não tivemos uma competição justa. Lutei um pouco contra os árbitros. Saí com vontade de rir. Pensei que estava a lutar contra quatro pessoas”. Pois se eu mandasse tinhas saído do combate a rir… mas SEM dentes…


Vicente Moura diz ainda, referindo-se ao Comité Olímpico de Portugal, que: "Nós preparamos os atletas desportivamente, mas culturalmente não, a educação não é connosco. É para o povo português. Todos temos de ter educação, olhar para a bandeira e saber que temos o povo português todo atrás de nós. Não podemos esquecer isso e não devemos defraudá-lo. Exijo apenas profissionalismo e brio para prestigiar Portugal".
Pois é efectivamente uma pena que não eduquem os nossos atletas… que não lhes mostrem o mapa-mundo e lhes expliquem para onde vão… que não lhes expliquem a honra imensa que é poder vestir a camisola de Portugal... que não lhes expliquem que foram gastos 15 milhões de euros para que pudessem estar em Pequim a representar o nosso país (mais 50 milhões de euros em infraestruturas para melhorar as condições de treino)... que não lhes ensinem as regras básicas da boa educação e de como falar com a comunicação social… que não lhes ensinem a importância de respeitar por quem eles torce!


Na Segunda Feira “envergonhei-me” ao ouvir o pai da Vanessa Fernandes gritar para a filha enquanto decorria a prova de triatlo “Sofre, sofre, sofre, sofre, é até caíres!”… mas o pai da Vanessa Fernandes é que tem razão!

Aos atletas portugueses em geral e aos acima mencionados em particular: Já todos sabemos que Portugal não tem como ganhar todas as medalhas de ouro, prata e bronze nos Jogos Olímpicos, já se sabe que os atletas de alta competição têm poucos apoios, já sabemos que em Portugal não há condições excelentes para os atletas treinarem… mas também se sabe que vocês se dispuseram a representar Portugal nesta competição sabendo tudo isso. Portanto, e já que ninguém vos exige grandes feitos, pelo menos podiam cumprir com objectivos tão fáceis como, tanto mais não seja, igualarem as vossas melhores marcas, superarem-se a vocês mesmos! E deixem-se de desculpas e explicações da treta! Sofram! E quando acabarem, mesmo que em último, mas com a camisola de Portugal a pingar de suor e de lágrimas nos olhos, digam um simples: “Fiz o meu melhor mas não deu para mais”. Eu vou abanar os ombros, suspirar de desapontamento mas pelo menos vou pensar que deram o vosso melhor, que se orgulham da camisola que vestem e que justificaram os 15 milhões de euros investidos em vocês.


Ou então… façam como o Francis Obikwelu que após falhar o apuramento para a final dos 100 metros disse: “Peço desculpas aos portugueses, porque estiveram a pagar para eu vir aos Jogos (…) Não quero arranjar desculpas. Foi um momento baixo, não consegui melhorar para estar na final.”
Correu mal e fiquei desapontada mas o Francis Obikwelu ganhou o meu respeito e o da grande maior parte dos portugueses porque simplesmente foi verdadeiro.


Aproveito o tema deste texto ser os Jogos Olímpicos para deixar aqui uma saudação especial ao Gustavo Lima, velejador, que ontem falhou a medalha de bronze da classe Laser por um ponto e anunciou, em lágrimas, o fim da sua carreira na vela. Em Atenas 2004 tinha ficado em 6º lugar, este ano ficou em 4º. Superou-se! Lutou! Sofreu! E no fim... chorou e agradeceu o apoio dos portugueses. Impossível pedir-lhe mais! Está de parabéns!


Todas as citações que constam neste texto foram retiradas de www.jn.sapo.pt e de www.record.pt

10 comentários:

Patrícia disse...

Muito bem, é assim mesmo!

Belo texto ;)

Beijinhos!!!!!!

Jotta disse...

Só tenho um comentário a fazer:

ONDE É QUE EU ASSINO!!!

Alsaharazad disse...

C! De todos os posts que fizeste neste teu blogue este foi sem duvida alguma o melhor entre os melhores. Muito bom mesmo!!! Eu também assino por baixo...

Spirit disse...

C!
Obrigada :)
Bjs

Sérgio disse...

Acho que erraste na carreira! ;)
Parabéns! Esta medalha já é tua!! :D

Inês Rodrigues disse...

Olha nem tenho palavras é isso TUDO!!!!!
Adorei ler, subscrevo ;)

alsaharazad disse...

C: apesar de excelente esqueceste-te aqui de referenciar aquele nosso (infelizmente) atleta que culpou a sua má prestação nos Olimpicos porque a égua se assustou ao ver o ecran gigante... ou mesmo aquele que é nadador ucraniano naturalizado português que diz que a água estava muito quente!!! Mas estamos num SPA e eu não sabia?????
Beijos

Spirit disse...

C... a "égua histérica com medo das luzes e dos écrãs" para mim é uma das melhores desculpas de sempre... mas como vi em directo o acontecimento... e foi exactamente isso que aconteceu (muito embora a escolha de palavras do cavaleiro Miguel Ralão Duarte não tenha sido a mais acertada)... decidi excluir aqui deste texto :)

Já essa declaração da água quente lamentavelmente não tinha conhecimento senão certamente que a teria colocado neste post ;)

Bjs

sérgio disse...

Malta, mas atenção, nadar 50km e provavelmente de fato, em agua quente não é facil, pq podem achar piada, mas transpirar dentro de agua não é agradavel...
Além do mais o senhor melhorou a prestação dele!! Ficou em 40gésimo qq coisa qd era o 50gésimo qq coisa do mundo! LOL


Beijosssssss

disse...

Bem!!!Adorei o post...muito bem mesmo!!!
bjs